MISSA   DA   CRISMA

RITOS INICIAIS

1. MOTIVAÇÃO

Com.

Irmãos e Irmãs, no dia de Pentecostes o Espírito Santo desceu sobre  os apóstolos, dando-lhes força e coragem para continuar a missão de Jesus. Hoje, nos reunimos para celebrar, com muita alegria o sacramento da crisma, que irá confirmar na fé e no compromisso nossos irmãos e irmãs, a fim de enviá-los, como cristãos mais autênticos, para construir o reino de Deus Pai. O nosso pastor (N.), sucessor dos apóstolos, está entre nós, como sinal visível da unidade da igreja, para impor as mãos sobre os crismandos e garantir-lhes o Espírito Santo. Vamos acolher de pé, o celebrante e os crismandos, cantando:

2. CANTO DE ENTRADA: Utopia

Quando o dia da paz renascer, quando o sol da esperança brilhar, eu vou cantar!

Quando o povo nas ruas sorrir, e a roseira de novo florir, eu vou cantar!

Quando as cercas caírem no chão, quando as mesas se encherem de pão eu vou cantar!

Quando os muros que cercam os jardins destruídos, então os jasmins vão perfumar!

Vai ser tão bonito se ouvir a canção, cantada de novo.

No olhar do homem a certeza do irmão: reinado do povo.

Quando as armas da destruição, destruídas em cada nação, eu vou sonhar!

E o decreto que encerra a opressão, assinado só no coração vai triunfar!

Quando a voz da verdade se ouvir, e a mentira não mais existir, será, enfim, tempo novo de eterna justiça

sem mais ódio, sem sangue ou cobiça: via ser assim!

3. ACOLHIDA

Bispo

Iniciemos nossa celebração invocando a santíssima Trindade.

4. CANTO: Deus trino

Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui. (bis)
Para louvar e agradecer, bendizer e te adorar, estamos aqui, Senhor, ao teu dispor.
Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar: Deus trino de amor!

Bispo

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam conosco.

Todos

Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

Bispo

Meus irmãos e minhas irmãs, na caminhada da vida precisamos reconhecer nossas falhas, nosso egoísmo, nossa infidelidade ao projeto do Pai. Peçamos perdão, agora, de nossos pecados, a fim de acolhermos o perdão de Jesus. 

5. ATO PENITENCIAL

Com.

O Sacramento da crisma nos chama a viver nossa responsabilidade de cristãos no mundo. Neste momento, queremos pedir perdão por todas as nossas falhas e omissões, na vivência do compromisso cristão: em nossa comunidade, em nossa família, em nossa escola ou no local de trabalho.
Peçamos que o amor de Deus seja derramado em nossos corações a fim de que possamos retomar com todo o vigor a missão de testemunhar Jesus em todas as circunstâncias de nossas vidas.

6. CANTO PENITENCIAL: Senhor que vieste salvar

Senhor, que viestes salvar, os corações arrependidos

Piedade, piedade, piedade de nós

Ó Cristo, que viestes chamar, os pecadores humilhados

Piedade, piedade, piedade de nós

Senhor, que intercedeis por nós, junto a Deus Pai que nos perdoa

7. CANTO DE LOUVOR: Glória a Deus nas alturas

Com.

Agradecemos a Deus pelos irmãos e irmãs aqui presentes  hoje e por todos os dons que o pai nos proporciona ao longo de nossa vida, cantando e louvando junto com a Igreja:

Glória a Deus nas alturas, é o canto das criaturas;

 rios e matas se alegram, campo e cidade  celebram.

Ó rei dos céus e Senhor, a ti o nosso louvor!

Deus, nosso Pai, te adoramos, tua glória proclamamos!

Glória, glória, glória te damos Senhor! 

Glória, glória, a ti eterno louvor!

Paz para o povo sofrido, é o grito do oprimido, 

somos os teus preferidos, és nosso Pai tão querido! 

Ouve o clamor do teu povo, vem e nos livra de novo! 

A terra mal repartida clama por tua justiça!

  Glória a Jesus, nosso guia, Filho da Virgem Maria,

vem para o meio dos pobres, pra carregar nossas dores, 

pelo espírito ungido,  vens libertar os cativos. 

Por nós a vida entregaste, e o Senhor ressuscitaste!

De Deus o Filho amado, és o cordeiro imolado, 

tiras do mundo a maldade, de nós, Senhor, piedade! 

Tu és o santo, o Senhor, és o mais alto, o maior,

com o  divino amor, de Deus Pai no esplendor!

Bispo

Oremos: ó Deus eterno e todo-poderoso, que nos concedeis no vosso imenso amor de Pai mais do que merecemos e pedimos, derramai sobre nós a vossa misericórdia, perdoando o que nos pesa na consciência e dando-nos mais do que ousamos pedir. Por nosso Senhor Jesus Cristo.

Todos

Amém.

LITURGIA   DA   PALAVRA

Com.

A palavra de Deus, hoje, nos lembra da responsabilidade da evangelização e portanto da salvação da vida de nossos irmãos. Nesta celebração especial da crisma, pedimos aos crismandos que acompanhem com atenção a palavra de Deus.

8. PRIMEIRA LEITURA: Livro de Ezequiel (33, 7 - 9) 

Leitor 

“Filho do  homem, eu te constituí, sentinela na casa de Israel. Logo que escutares um oráculo meu, tu lhes transmitirás esse oráculo de minha parte. Se eu disser ao pecador que ele deve morrer, e tu não o avisares para pô-lo de guarda contra seu proceder nefasto, ele perecerá por causa do seu pecado, mas a ti, pedirei conta de seu sangue. Todavia, se depois de receber tua advertência para mudar de proceder, nada fizer, ele perecerá devido ao seu pecado, enquanto tu salvarás a tua vida". - Palavra do Senhor.

Todos 

Graças a Deus.

9. SALMO RESPONSORIAl: Salmo 138  

Com.

Nós temos um Deus justo, verdadeiro e forte em que podemos confiar. Ele nos conhece desde o ventre materno e dele não podemos nos esconder. Nós queremos louvar este Deus todo-poderoso, cantando com muita alegria o canto de meditação.  

9. CANTO DE MEDITAÇÃO: Tu me conheces

Tu me conheces quando estou sentado, tu me conheces quando estou de pé,

vês claramente quando estou andando, quando repouso tu também me vês.

Se pelas costas sinto que me abranges, também de frente sei que me percebes para ficar longe do teu espírito, o que farei? Aonde irei,  não sei!

Para onde irei? Para onde fugirei?

Se subo aos céus ou se me prostro no abismo, 

eu te encontro lá para onde irei? Para onde fugirei?

Se estás  no alto das montanhas verdejantes, ou nos confins do mar!

Dá-me tuas mãos, ó meu Senhor bendito, benditas sejam sempre as tuas mãos, prova-me Deus e vê meus pensamentos, olha-me Deus e vê meu coração, livra-me Deus de todo o mau caminho, quero viver, quero sorrir, cantar, pelo caminho da eternidade, Senhor terei toda a felicidade!

10. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

Cel.

Jesus é o ungido do Pai, enviado aos homens para construir um mundo mais justo e fraterno. Nós que recebemos a unção do crisma devemos continuar este projeto bonito, para a glória de Deus e nossa felicidade. Vamos aclamar o evangelho, cantando:

Aleluia, aleluia. A minha alma abrirei.

Aleluia, aleluia. Cristo é meu rei. (bis)

Aleluia, aleluia. A minha alma abrirei.

Aleluia, aleluia. Cristo é meu rei. (bis)

Aleluia, aleluia. A minha alma abrirei.

Aleluia, aleluia. Cristo é meu rei. (bis)

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Proclamação do evangelho de Jesus Cristo, segundo Mateus (21, 33 - 43).

Todos

Glória a vós, Senhor.

Leitor

“Naquele tempo, Jesus disse aos sumos sacerdotes e aos anciãos do povo: “escutai esta parábola: certo proprietário plantou uma vinha, pôs uma cerca em volta, fez nela um lugar para esmagar as uvas e construiu uma torre de guarda. Depois, arrendou-a a vinhateiros, e viajou para o estrangeiro. Quando chegou o tempo da colheita, o proprietário mandou os seus empregados ao vinhateiro para receber seus frutos. Os vinhateiros, porém, agarraram os empregados, espancaram a um, mataram a outro, e ao terceiro apedrejaram. O proprietário mandou de novo outros empregados, em maior número do que os primeiros. Mas eles os trataram da mesma forma. Finalmente, o proprietário, enviou-lhes o seu filho, pensando: "ao meu filho eles vão respeitar". Os vinhateiros, porém, ao verem o filho, disseram entre si:  “este é o herdeiro. Vinde, vamos matá-lo e tomar posse da sua herança!”. Então agarraram o filho, jogaram-no para fora da vinha e o mataram. "Pois bem, quando o dono da vinha voltar, que fará com esses vinhateiros?" Os sumos sacerdotes e os anciãos responderam: “com certeza mandará matar de modo violento esses perversos e arrendará a vinha a outros vinhateiros, que lhe entregarão os frutos no tempo certo”. Então Jesus lhes disse: “vós nunca lestes nas escrituras: "a pedra que os construtores rejeitaram tornou-se a pedra angular; isto foi feito pelo Senhor e é maravilhoso aos nossos olhos?" Por isso eu vos digo: o reino de Deus vos será tirado e será entregue a um povo que produzirá frutos”. - Palavra da salvação.

Todos

Glória a vós, Senhor!

11. APRESENTAÇÃO DOS CRISMANDOS 

Com.

Iniciamos agora a celebração da crisma. Neste momento os crismandos serão apresentados ao bispo e à comunidade.

Cel.

Caríssimo (N.), aqui estão nossos irmãos e irmãs que desejam receber o sacramento da crisma.

Bispo

Quais são eles?

Cel.

Querido (N.), estes são os nossos crismandos!

Bispo

Muito me alegro e agradeço a Deus.

Cel.

Depois de ter apresentado os crismandos ao nosso bispo, queremos também apresentá-los a  toda nossa comunidade.

Bispo

Com efeito, se é verdade que no dia do batismo, eles já se tornaram cristãos, de agora em diante, como cristãos adultos na fé e testemunhas de Jesus Cristo, eles vão precisar muito de seu apoio. Rezem por eles, e dêem para eles o estímulo da vivência e fraternidade.

Cel.

Recebemos com alegria os crismandos, e prometemos ajudá-los com nosso exemplo de vida e nosso testemunho.

12. HOMILIA

13. RENOVAÇÃO DAS PROMESSAS DO BATISMO

Com.

A crisma nos dá força para que, no decorrer da vida, possamos viver a dignidade do nosso batismo. Somos filhos de Deus Pai, irmãos de Jesus Cristo e co-herdeiros com ele da eternidade. Somos templo do Espírito Santo e membros da igreja, o corpo de Cristo.

Bispo

Prezados crismandos, há muitos anos, no dia do batismo, seus pais e seus padrinhos prometeram em seu nome, que você iria renunciar ao demônio e seguir Cristo no caminho do bem. Hoje, são vocês mesmos que prometem romper com a maldade e viver, em todas as circunstâncias, a sua fé cristã. Deste modo, vocês se declaram maduros e adultos na fé. Queiram ficar de pé para manifestar para toda a igreja esta sua decisão pessoal de seguir a Jesus Cristo.

Bispo

Renunciais a satanás e a todas as suas obras e seduções?

Crism.

Renuncio.

Bispo

Credes em Deus Pai todo-poderoso, criador do céu e da terra ?

Crism.

Creio.

Bispo

Credes em Jesus Cristo, seu único Filho, nosso Senhor, que nasceu da Virgem Maria, padeceu e foi sepultado, ressuscitou dos mortos e está sentado à direita do Pai?

Crism.

Creio.

Bispo

Credes no Espírito Santo, Senhor e fonte de vida, que hoje, pelo sacramento da confirmação, vos é dado de modo especial, como aos apóstolos no dia de Pentecostes?

Crism.

Creio.

Bispo

Credes na santa igreja católica, na comunhão dos santos, na  remissão  dos pecados, na ressurreição dos mortos e na vida eterna?

Crism.

Creio.

Bispo

Esta é a nossa fé, que da igreja recebemos e sinceramente professamos, razão de nossa alegria, em Cristo nosso Senhor.

Todos

Amém.

14. CANTO: Batiza-me, Senhor

Batiza-me, Senhor no teu espírito (3x)

Batiza-me, batiza-me Senhor.

E deixa-me sentir teu fogo de amor, aqui no coração, Senhor.(2x)

Inunda-me... Transforma-me... Lava-me... Ilumina-me...

15. IMPOSIÇÃO DAS MÃOS 

Com.

Estamos chegando ao momento mais importante da celebração da crisma. O bispo nos convida a rezar, pedindo que Deus Pai envie o seu Espírito Santo sobre os crismandos. (N.), impõe as mãos sobre os crismandos, mostrando assim que Deus nos escolheu no meio do povo e nos consagra para a missão!

Bispo

Roguemos, caros irmãos, a Deus pai todo-poderoso, que derrame o Espírito Santo sobre estes seus filhos adotivos, já renascidos no batismo para a vida eterna, a fim de confirmá-los pela riqueza de seus dons e configurá-los pela unção ao Cristo, Filho de Deus.

 

(todos rezam pôr um momento em silêncio)

Bispo

Deus Pai, todo-poderoso, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, pela água e pelo Espírito Santo, fizestes renascer estes vossos servos, libertando-os do pecado, enviai-lhes o Espírito Santo Paráclito; dai-lhes, Senhor, o espírito de sabedoria e inteligência, o espírito de conselho e fortaleza, o espírito de ciência e piedade e enchei-os do espírito do vosso temor. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho.

Todos

Amém.

16. UNÇÃO  

Bispo 

Recebe por este sinal, o Espírito Santo, o dom de Deus.

Crism.

Amém.

Bispo 

A paz esteja contigo.

Crism.

E contigo também.

17. ORAÇÃO DOS FIÉIS 

18. CANTO: Eu navegarei

Eu navegarei, no oceano do espírito e ali adorarei ao Deus do meu amor . (bis)

Espírito, espírito, que desce como fogo,

vem como em Pentecostes e enche-me de novo. (bis)

Eu adorarei ao Deus da minha vida, que me compreendeu, sem nenhuma explicação. (bis)

Eu servirei ao meu Deus fiel, ao meu libertador, aquele que venceu. (bis)

19. CANTO: Quão grande és tu 

Senhor meu Deus, quando eu maravilhado,  fico a pensar nas obras de tuas mãos,

no céu azul de estrelas pontilhado, o teu poder mostrando a criação.

Então minha alma canta a ti, Senhor. Quão grande és tu, quão grande és tu !(bis)

Quando a vagar nas matas e florestas,  o  passaredo alegre ouço a cantar,

olhando os montes, vales e campinas, em tudo vejo o teu poder sem par.

Quando eu medito em seu amor tão grande, seu Filho dando ao mundo pra salvar,

na cruz vertendo o seu precioso sangue, minha alma pode assim purificar.

Quando enfim, Jesus vier em glória e ao lar celeste, então me transportar

te adorarei prostrado e para sempre, quão grande és tu, meu Deus, hei de cantar.  

LITURGIA EUCARÍSTICA

20. OFERTÓRIO 

Bispo

Acolhei, ó Deus, nós vos pedimos, o sacrifício que instituístes e, pelos mistérios que celebramos em vossa honra, completai a salvação dos que salvastes. Por Cristo, nosso Senhor.

Todos

Amém.

21. CANTO DAS OFERTAS: Sempre fica

Fica sempre um pouco de perfume nas mãos que oferecem rosas

nas mãos que sabem ser generosas.

 Dar do pouco que se tem, ao que tem menos ainda

enriquece o doador, faz su’alma ainda mais linda.

Dar ao próximo alegria, parece coisa tão singela

 aos olhos de Deus, porém, é das artes a mais bela.

22. ORAÇÃO

Bispo

Orai, irmãos, para que o nosso sacrifício seja aceito por Deus Pai, todo-poderoso.

Todos

Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para glória do seu nome, para nosso bem e de toda a santa igreja.

Bispo

Recebei. 

Todos

Amém.

23. ORAÇÃO EUCARÍSTICA

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Corações ao alto.

Todos

O nosso coração está em Deus.

Cel.

Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

Todos

É nosso dever e nossa salvação.

Cel.

Na verdade, Ó Pai, Deus eterno e todo-poderoso, é nosso dever dar-vos graças, é nossa salvação dar-vos glória, em todo tempo e lugar, por Cristo Senhor nosso. Vós fizeste uma nova aliança com vosso povo, pois pela morte e ressurreição de Cristo nos tornastes participantes da vida divina e herdeiros da glória eterna. Para imagem dessa aliança escolheste a união do homem e da mulher, de modo que o sacramento do matrimônio nos recorde o vosso plano de amor. Por isso, com todos os anjos e santos proclamamos a vossa glória, cantando a uma só voz.

24. SANTO: O Senhor é santo

Quando olhei o sol brilhar, vi que o Senhor é santo.

Vendo estrela no céu, vi que o Senhor é santo.

Na imensidão do mar, vi que o Senhor é santo.

No orvalho da manhã, vi que o Senhor é santo.

O Senhor é santo, ele está aqui.

O Senhor é santo, eu posso sentir. (bis)

Nas aves do céu, vi que o Senhor é santo.

Na planta florir, vi que o Senhor é santo.

Na fonte a cantar, vi que o Senhor é santo.

No irmão a sorrir, vi que o Senhor é santo.

Cel.

Na verdade, vós sois santo, ó Deus do universo e tudo o que criastes, proclama o vosso louvor, porque, Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso pela força do Espírito Santo deu vida e santidade a todas as coisas e não cessais de reunir o vosso povo, para que vos ofereça em toda parte, do nascer ao por do sol, um sacrifício perfeito.

Todos

Santificai e reuni o vosso povo!

Cel.

Por isso, nós vos suplicamos: santificai pelo Espírito Santo as oferendas que vos apresentamos para serem consagradas a fim de que se tornem o corpo e o sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, que nos mandou celebrar este mistério.

Todos

Santificai nossa oferenda, ó Senhor.

Cel.

Na noite em que ia ser entregue ele tomou o pão, deu graças e o partiu e o deu aos seus discípulos dizendo: tomai, todos, e comei: isto é meu corpo que será entregue por vós. Do mesmo modo ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus discípulos dizendo: tomai, todos e bebei: este é o cálice do meu sangue, da nova e eterna aliança, que será derramado por vós e por todos, para emissão dos pecados. Fazei isto em memória de mim.

Todos

Meu Senhor e meu Deus.

Cel.

Eis o mistério da fé!

Todos

Salvador do mundo, salvai-nos, vós que nos libertastes pela cruz e ressurreição.

Cel.

Celebrando agora, ó Pai, a memória do vosso Filho, da sua paixão que nos salva, da sua gloriosa ressurreição e da sua ascensão ao céu e enquanto esperamos a sua nova vinda, nós vos oferecemos em ação de graças este sacrifício de vida e santidade. Olhai com bondade a oferenda da vossa igreja, reconhecei o sacrifício que nos reconcilia convosco e concedei que, alimentando-nos com corpo e sangue do vosso Filho, sejamos repletos do Espírito Santo e nos tornemos em Cristo um só corpo e um só Espírito.

Todos

Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

Cel.

Atendei as preces da vossa família que está aqui na vossa presença. Reuni em vós, pai de misericórdia, todos os vossos filhos e filhas dispersos pelo mundo inteiro.

Todos

Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos Filhos.

Cel.

Acolhei com bondade no vosso reino os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida e todos os que morreram na vossa amizade. Unidos a eles, esperamos também nós saciarmos, por Cristo Senhor nosso.

Todos

A todos saciai com vossa glória.

Cel.

Por ele dais ao mundo todo bem e toda graça. Por Cristo, com Cristo e em Cristo, a vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda honra e toda glória, agora e para sempre.

Todos

Amém.

25. CANTO DA CONSAGRAÇÃO: Jesus está aqui

Jesus está aqui, aleluia!

Tão certo como o ar que eu respiro, aleluia!

Tão certo como o amanhã que se levanta,

Tão certo como eu te amo e te posso sentir!

  Deus está neste lugar, neste lugar,

O Espírito Santo nos revela,  que  Deus está neste lugar!

26. PAI NOSSO

Todos

Pai nosso que estais no céus, santificado seja o vosso nome; venha nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade assim na terra como no céu; o pão nosso de cada dia nos dai hoje; perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido; e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. 

Cel.

Livrai-nos de todos os males, ó Pai, e dai-nos hoje a vossa paz. Ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos os perigos, enquanto, vivendo a esperança, aguardamos a vinda do Cristo salvador. 

Todos

Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!

Cel.

Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos apóstolos: Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha  paz. Não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima a vossa igreja; dai-lhe segundo vosso desejo, a paz e a unidade. Vós, que sois Deus, com o Pai e o Espírito Santo.

Todos

Amém!

Cel.

A paz do Senhor esteja sempre convosco! 

Todos

O amor de Cristo nos uniu!

Cel.

Como filhos e filhas do Deus da paz, saudai-vos com um gesto de comunhão fraterna!

27. CANTO DA PAZ: Paz de Cristo

 Paz, paz de Cristo, paz que vem do amor lhe desejo irmão.

Paz que a felicidade de ver em você Cristo nosso irmão.

Se algum dia na vida, você de mim precisar.

Saiba que sou seu amigo podes comigo contar.

O mundo dá muitas voltas, a gente vai se encontrar. 

Quero nas voltas da vida a sua mão apertar.

28. CORDEIRO DE DEUS

Todos

Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo, tende piedade de nós!(bis) Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz!

Cel.

Felizes com os convidados para a ceia do Senhor! Eis o cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

Todos

Senhor eu não sou digno de que entreis em minha morada, mas dizei uma só  palavra e serei salvo!

29. CANTO DA COMUNHÃO:  Jesus, o pão da vida

Jesus, o pão da vida, nasceu pra ser um rei, mas veio pequenino, sujeito a uma lei. Convive com os pobres, se torna nosso igual,  e ensina os valores de um reino ideal.

Na festa da partilha, Jesus, és nosso pão,  presença que anuncia a mesa dos irmãos!

Se houver acesso igual aos bens do nosso chão, justiça e paz, na terra, então, se abraçarão!

Não vim pra ser servido; eu vim pra lhes servir  e dou o pão dos fortes a quem quer me seguir.

Lavei os pés de todos e sou o seu Senhor, quem tem autoridade se faça servidor!

Pra colaboradores, Jesus não escolheu os grandes e doutores que o mando corrompeu.

Mas pobres, que a verdade do reino fascinou, lhes deu autoridade, e neles confiou!

Com Cristo e os irmãos nós viemos comungar, e a força desta ceia nos há de transformar.

Queremos ser um povo, formar feliz nação,  em que justiça e paz, no amor - se abraçarão!

30. CANTO DE AÇÃO DE GRAÇA: Deus está aqui

Deus  está aqui neste momento. Sua presença é real em meu viver.

Entregue sua vida seus problemas, fale com Deus,

ele vai ajudar você! Ou, ou....

Deus te trouxe aqui, para aliviar seus sofrimentos,

é ele o autor da fé do princípio ao fim, em todos os seus tormentos. Ou, ou...

Ainda se vier, noites traiçoeiras e a cruz pesada  for,

Cristo estará contigo, o mundo pode até fazer você chorar,

mas Deus te quer sorrindo...(bis)

Seja qual for os seus problemas, fale com Deus, ele vai ajudar você,

depois da dor vem alegria, Deus é amor, e não te deixará sofrer. Ou, ou...

RITOS   FINAIS

31. AGRADECIMENTOS

Bispo

Possamos, ó Deus onipotente, saciar-nos do pão celeste e inebriar-nos do vinho sagrado, para que sejamos transformados naquele que agora recebemos. Por Cristo, nosso Senhor.

Todos

Amém.

32. BENÇÃO FINAL

Bispo

Deus Pai todo-poderoso, que vos adotou como filhos renascidos da água e  do Espírito Santo, vos abençoe e vos conserve dignos de seu amor paterno.

Todos

Amém.

Bispo

O seu Filho unigênito, que prometeu a permanência do espírito de verdade na igreja vos abençoe e vos confirme com seu poder no testemunho da verdadeira fé.

Todos

Amém.

Bispo

O Espírito Santo, que acendeu no coração dos discípulos o fogo da caridade, vos abençoe e vos conduza sem tropeços congregados num só corpo, à alegria do reino de Deus.

Todos

Amém.

Bispo

Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai e Filho + e Espírito Santo.

Todos

Amém.

33. CANTO FINAL:  A viagem

Eu vim de longe prá encontrar o meu caminho;

tinha um sorriso e o sorriso ainda valia,

achei difícil a vigem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei...

Eu vim depressa, eu não vim de caminhão;

eu vim a jato neste asfalto e neste chão,

achei difícil a viagem até aqui, mas eu cheguei, mas eu cheguei...

Eu vi  por causa daquilo que não se vê;

vim nu, descalço, sem dinheiro e o pior,

achei difícil a viagem até aqui mas eu cheguei, mas eu cheguei...

 Eu tive ajuda de quem você não acredita;

tive a esperança de chegar até aqui,

vim caminhando, aqui estou, me decidi 

eu vou ficar, eu vou ficar!!!

Parabéns prá você, muita  paz, muita  luz. Seja muito feliz, com Cristo Jesus!