MISSA   DE

BODAS  DE  OURO

RITOS INICIAIS

1. MOTIVAÇÃO

Filh_

Amigos hoje celebramos uma festa muito especial. Deus continua fazendo sua aliança. Neste momento, como há 50 anos atrás, nossos pais voltam até o altar para renovar o seu "sim". Queremos louvar a Deus por todas as maravilhas que ele operou entre nós e em suas vidas, nestes 50 anos de trabalho, dificuldades, sofrimentos e muitas alegrias, compartilhadas com muito amor.

Filh_

Quantos dias se passaram, Senhor, quantos momentos... Quantas pequeninas coisas, quantas preocupações foram necessárias para termos o direito de estarmos aqui reunidos, para agradecer, oferecer e refletir com papai e mamãe o valor do amor conjugal. Vamos iniciar juntamente com o nosso celebrante, padre (N.), a santa missa cantando com alegria.

2. CANTO DE ENTRADA: Anjos de Deus

Se acontecer um barulho perto de você

é um anjo chegando para receber

suas orações e levá-las à Deus.

Então, abra o coração e comece a louvar

sinta o gozo do céu se derramando no altar,

um anjo já vem com as bênçãos nas mãos. 

Tem anjos voando neste lugar

no meio do povo em cima do altar

subindo e descendo, em todas as direções.

Não sei se a igreja subiu ou se o céu desceu.

Só sei que está cheio de anjos de Deus

porque o próprio Deus está aqui.

Quando os anjos passeiam a igreja se alegra,

ela canta, ela chora, ri e congrega

abala o inferno e dissipa o mal

sinta o vento das asas dos anjos agora

confia irmão, pois é sua hora

a bênção chegou e você vai levar.

Tem anjos voando neste lugar

no meio do povo em cima do altar

subindo e descendo, em todas as direções.

Não sei se a igreja subiu ou se o céu desceu.

Só sei que está cheio de anjos de Deus

porque o próprio Deus está aqui.

3. ACOLHIDA

Cel.

Sejam bem vindos, todos aqueles que procuram o Senhor com coração cheio de confiança. Sejam bem-vindos, todos vós que experimentastes em vossas vidas a misericórdia de Deus. Seja bem-vindo este casal (N.N.) que na fidelidade e no amor, revelam a bondade daquele Deus que nos congrega aqui hoje.

4. CANTO: Deus trino

Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui. (bis)

Para louvar e agradecer, bendizer e te adorar, estamos aqui, Senhor, ao teu dispor.

Para louvar e agradecer, bendizer, adorar, te aclamar: Deus trino de amor!

Cel.

A graça de nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a comunhão do Espírito Santo estejam conosco.

Todos

Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo.

Cel.

Meus irmãos e minhas irmãs, na caminhada da vida precisamos reconhecer nossas falhas, nosso egoísmo, nossa infidelidade ao projeto do Pai. Peçamos perdão dos nossos pecados para acolher o perdão que Jesus nos quer dar.

5. CANTO: Renova-me

Renova-me, Senhor Jesus, já não quero ser igual.

Renova-me, Senhor Jesus, põe em mim seu coração.

Por que tudo que há dentro de mim precisa ser mudado, Senhor.

Por que tudo o que há dentro do meu coração precisa mais de ti.

Cel.

O Senhor todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoai os nossos pecados e nos conduza à vida eterna.

Todos

Amém.
6. CANTO: Glória

Glória, glória. Ao Pai criador, ao Filho redentor e ao Espírito glória.(bis)

Ao Pai criador do mundo, ao Filho redentor dos homens

e ao Espírito de amor demos sempre glória. (bis)

Cel.

Senhor, nosso Pai, que a vossa imensa bondade criaste o homem e a mulher à vossa imagem e semelhança, para que amando pudessem participar do vosso amor, aqui estão juntamente com seus filhos, nora, netos, parentes e amigos, para agradecer-vos pelas alegrias, tristezas, lutas e sacrifícios, doações e renúncias e, principalmente, por os terdes conservado um ao lado do outro nesta longa jornada de sua união matrimonial. Abençoai-os e fazei-os ainda mais felizes é o que vos pedimos por Jesus Cristo nosso Senhor.

Todos

Amém.

Com.

Hoje presenciamos um momento de grande alegria para (N.N.), pois 50 anos de convivência conjugal só podem estar fundamentados em muito amor. Ouviremos um trecho da carta de são Paulo que nos fala um pouco deste amor.

LITURGIA   DA   PALAVRA

7. PRIMEIRA LEITURA: Carta de são Paulo (4, 7 – 12)

Leitor

"Irmão, aspirai aos dons mais altos. Aliás, passo a indicar-vos um caminho que ultrapasse a todos, ainda que eu falasse línguas, a dos homens e a dos anjos, se eu não tivesse o amor, seria como um bronze que soa. Ainda que eu tivesse o dom da profecia, ou conhecimento de todos os mistérios e de toda a ciência, ainda que tivesse toda a fé, a ponto de transbordar os montes, se não tivesse o amor, eu nada seria. Ainda que eu distribuísse todos os meus bens aos famintos, ainda que eu entregasse o meu corpo às chamas, se não tivesse amor, isso nada me adiantaria. O amor é paciente, o amor é prestativo, não é invejoso, não se ostenta, não se incha de orgulho. Não faz inconveniente, não procura o seu próprio interesse, não se irrita, não guarda rancor. Não alegra com a injustiça, mas se regozija com a verdade. Tudo se desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais passará. - Palavra do Senhor

Todos

Graças a Deus!

8. CANTO DE MEDITAÇÃO: Amar-te mais

Envia teu espírito, Senhor, e renova a face da terra!(bis)

Bendize minh’alma ao Senhor! Senhor, meu Deus, como és tão grande!

Como são numerosas tuas obras, Senhor, a terra está cheia de tuas criaturas. 

Seja ao Senhor eterna glória, alegre-se ele em suas obras!

Que o meu canto ao Senhor seja agradável, é nele que está minha alegria.

Com.

(N.N.) estão realizando e comemorando hoje, no tempo, o ideal da esperança e do amor. Juntos, os dois encontraram, na vida perto de Deus, a fortaleza da rocha que venceu as adversidades, que manteve a alegria, que desconheceu o tempo.

9. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO: Buscai primeiro

Buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça

e tudo o mais vos será acrescentado, aleluia, aleluia.

Não só de pão o homem viverá, mas de toda palavra

que procede da boca de Deus, aleluia, aleluia.

Se vos perseguem por causa de mim, não esqueçais o porque,

não é o servo maior que o Senhor, aleluia, aleluia.

Cel.

O Senhor esteja conosco.

Todos

Ele está no meio de nós.

Cel.

Boa notícia de Jesus Cristo segundo Mateus (7, 24 - 28).

Todos

Glória a vós, Senhor.

Cel.

"Disse Jesus: Aquele que ouve as minhas palavras e as põe em prática é semelhante a um homem prudente que construiu sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as enchentes, sopraram os ventos e investiram contra aquela casa, ela porém não caiu, porque estava construída sobre a rocha. Mas aquele que ouve as minhas palavras e não as põe em prática, é semelhante a um homem insensato que construiu sua casa na areia. Caiu a chuva, vieram as enchentes, sopraram os ventos. Investiram contra aquela casa e ela caiu. E grande foi a ruína." - Palavra da salvação.

Todos

Glória a vós, Senhor!

10. HOMILIA

12. PROFISSÃO DE FÉ

Hom.

Cremos em Deus Pai, fonte de todo amor criado.

Mulh.

Cremos que ele nos fez participantes de sua criação.

Hom.

Cremos em Jesus Cristo. Ele nos revela o amor do Pai.

Mulh.

Cremos que o Cristo nos liberta do egoísmo, para o amor, doação e serviço.

Hom.

Cremos no Espírito Santo, força animadora para a nossa fé.

Mulh.

Cremos que ele nos dá a coragem e a sabedoria para construirmos um mundo de amor e paz.

Cel.

Cremos no amor divino humano.

Todos

Cremos no amor de (N.N.) que hoje, após 50 anos de lutas e vitórias, acreditam que, com Deus, tudo é possível.

Com.

Vamos acolher agora as alianças que o sacerdote vai abençoar novamente, sinal visível de amor que uniu (N.N.) ao longo destes 50 anos de vida.

13. CANTO: Enquanto eu viver

Enquanto eu viver quero sempre amar você,

Te prometo neste altar sempre te amar. Por toda a vida.

Esta aliança que ponho em sua mão é a expressão do meu amor e de nossa união.

Oh! Deus de amor fica conosco aqui e acompanha os nossos passos também.

Desde agora e para sempre.

14. RENOVAÇÃO DO COMPROMISSO

Com.

Queridos (N.N.), há 50 anos vocês, diante de Deus, juraram fidelidade um ao outro, unindo-se pelo laço do matrimônio. Hoje, confirmando aquele sagrado juramento, na presença de Deus, seus filhos e amigos, (N.N.) renovam o compromisso de fidelidade ao amor que os faz celebrar esta ação de graças. Vamos participar deste momento com a devida atenção e gratidão.

Filh_

Queridos pais, o seu amor nos ensina cada dia a descobrir a beleza do amor.

Ele 

e

Ela

Senhor Jesus, fonte e força do nosso amor diante da mesa eucarística, diante de nossos filhos, nós dois com profunda humildade e sincera alegria, renovamos o nosso compromisso de fidelidade ao amor com que há 50 anos nos consagraste, um para o outro, no corpo e no espírito, e queremos continuar a ser fiéis um ao outro, aos nossos filhos, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, amando-nos e respeitando-nos todos os dias de nossa vida.

15. BENÇÃO DAS ALIANÇAS

Filh_

As alianças simbolizam o amor de Deus pela humanidade e ao amor das pessoas entre si. Hoje, significam a renovação de um compromisso de fidelidade e de amor, assumido há 50 anos.

Cel.

Abençoai, Senhor, estas alianças. Elas são um sinal de amor e de fidelidade para os vossos filhos (N.N.) que hoje completam 50 anos de vida em comum. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

16. CANTO: Para sempre te amarei

E eu que creio em Deus, eu sei que Deus te fez para mim.

E eu que creio em Deus, te juro, eu juro amor sem fim.

Te amo e te amarei. Pra sempre e sempre eu te amarei.

Seremos um casal inseparável, sonharei os mesmos sonhos que sonhares. 

Pra sempre, sempre te amarei.

E eu que creio em Deus, eu sei que Deus te fez para mim. 

E eu que creio em Deus te juro, eu juro amor sem fim. 

Te amo e te amarei. Pra sempre e sempre eu te amarei.

Seremos um casal inseparável sonharei os mesmos sonhos que sonhares.

Pra sempre, sempre te amarei

Ele

(N.) receba novamente esta aliança em sinal do meu amor e da minha fidelidade. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

Ela

(N.) receba novamente esta aliança em sinal do meu amor e da minha fidelidade. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

18. ORAÇÃO DOS FIÉIS

Cel.

Na alegria deste encontro, apresentamos a Deus, a nossa oração para que ele nos faça caminhar firmes no seu amor, respondendo: Senhor, atendei a nossa prece.

Ela

Pelos nossos filhos(as), frutos gratificantes do nosso amor, dons de nossa fidelidade; por todos os parentes e amigos que nos prestigiam com sua presença neste momento especial de alegria, rezemos ao Senhor.

Net_

Por vovô e vovó, com quem celebramos hoje a ação de graças pelos 50 anos de fidelidade ao amor, para que Deus os assista com sua graça e nos faça viver sempre unidos no espírito de família, na amizade, na harmonia, na compreensão e na alegria de sermos seus netos, rezemos ao Senhor.

Filh_

Por todos os casais aqui presentes, para que participem das graças hoje concedidas aos meus pais, que cresçam no conhecimento do amor de Cristo e na união fraterna, rezemos ao Senhor.

Filh_

Pelos jovens aqui presentes e pela juventude em geral: para que compreendam o sentido do matrimônio cristão e se disponham a vivê-lo um dia em sua plenitude, rezemos ao Senhor.

Cel.

Deus eterno e todo poderoso, lançai vosso olhar paterno sobre (N.N.) que vem a vossa presença render-vos graças em sua alegria. Concedei-lhes perseverança no amor e depois do curso desta vida a recompensa das alegrias eternas. Por Cristo Senhor nosso.

Todos

Amém.

LITURGIA EUCARÍSTICA

19. CANTO DAS OFERTAS: Um coração para amar

Uma coração para amar, pra perdoar e sentir, para chorar e sorrir ao me criar tu me deste. 

Um coração para sonhar, inquieto e sempre a bater, ansioso por entender as coisas que tu disseste.

Eis que eu venho te dar, eis que eu ponho no altar.

Toma Senhor, que ele é teu. Meu coração não é meu.

Quero que o meu coração seja tão cheio de paz que não se sinta capaz,

de sentir ódio ou rancor. Quero que a minha oração possa me amadurecer. Leve-me a compreender as conseqüências do amor.

Cel.

Pai, nós, agradecidos, oferecemos com Cristo, por Cristo e em Cristo a vida de todas as famílias, e hoje, de modo especial, a vida de (N.N.), de sua família e amigos. Por nosso Senhor Jesus Cristo.

Todos

Amém.

Cel.

Orai, irmãos, para que o nosso sacrifício seja aceito por Deus Pai, todo poderoso.

Todos

Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para a glória do seu nome, para o nosso bem e de toda santa igreja.

21. ORAÇÃO EUCARÍSTICA

Cel.

O Senhor esteja convosco.

Todos

Ele esta no meio de nós.

Cel.

Corações ao alto.

Todos

O nosso coração está em Deus.

Cel.

Demos graças ao Senhor, nosso Deus.

Todos

É nosso dever e nossa salvação.

Cel.

Na verdade, ó Pai, Deus eterno e todo poderoso, é nosso dever dar-vos graças, é nossa salvação dar-vos glória, em todo tempo e lugar, por Cristo Senhor nosso. Vós fizeste uma nova aliança com vosso povo, pois pela morte e ressurreição de Cristo nos tornastes participantes da vida divina e herdeiros da glória eterna. Para imagem dessa aliança escolheste a união do homem e da mulher, de modo que o sacramento do matrimônio nos recorde o vosso plano de amor. Por isso, com todos os anjos e santos proclamamos a vossa glória, cantando a uma só voz.

22. SANTO: Nas aves do céu

O Senhor é santo, ele está aqui. O Senhor é santo, eu posso sentir.

Nas aves do céu, vi que o Senhor é santo,

na planta a florir, vi que o Senhor é santo.

Na fonte a cantar, vi que o Senhor é santo

No irmão a sorrir, vi que o Senhor é santo.

Cel.

Na verdade, vós sois santo, ó Deus do universo e tudo o que criastes, proclama o vosso louvor, porque, Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso pela força do Espírito Santo deu vida e santidade a todas as coisas e não cessais de reunir o vosso povo, para que vos ofereça em toda parte, do nascer ao por do sol, um sacrifício perfeito.

Todos

Santificai e reuni o vosso povo.

Cel.

Por isso, nós vos suplicamos: santificai pelo Espírito Santo as oferendas que vos apresentamos para serem consagradas a fim de que se tornem o corpo e o sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, que nos mandou celebrar este mistério.

Todos

Santificai nossa oferenda, ó Senhor.

Cel.

Na noite em que ia ser entregue ele tomou o pão, deu graças e o partiu e o deu aos seus discípulos dizendo: tomai, todos, e comei: isto é meu corpo que será entregue por vós. Do mesmo modo ao fim da ceia, ele tomou o cálice em suas mãos, deu graças novamente, e o deu a seus discípulos dizendo: tomai, todos e bebei: este é o cálice do meu sangue, da nova e eterna aliança, que será derramado por vós e por todos, para emissão dos pecados. Fazei isto em memória de mim.

Todos

Meu Senhor e meu Deus.

Cel.

Eis o mistério da fé!

Todos

Salvador do mundo, salvai-nos, vós que nos libertastes pela cruz e ressurreição.

Cel.

Celebrando agora, ó Pai, a memória do vosso Filho, da sua paixão que nos salva, da sua gloriosa ressurreição e da sua ascensão ao céu e enquanto esperamos a sua nova vinda, nós vos oferecemos em ação de graças este sacrifício de vida e santidade. Olhai com bondade a oferenda da vossa igreja, reconhecei o sacrifício que nos reconcilia convosco e concedei que, alimentando-nos com corpo e sangue do vosso Filho, sejamos repletos do Espírito Santo e nos tornemos em Cristo um só corpo e um só espírito.

Todos

Fazei de nós um só corpo e um só espírito!

Cel.

Atendei as preces da vossa família que está aqui na vossa presença. Reuni em vós, Pai de misericórdia, todos os vossos filhos e filhas dispersos pelo mundo inteiro.

Todos

Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos Filhos!

Cel.

Acolhei com bondade no vosso reino os nossos irmãos e irmãs que partiram desta vida e todos os que morreram na vossa amizade. Unidos a eles, esperamos também nós saciarmos, por Cristo Senhor nosso.

Todos

A todos saciai com vossa glória!

Cel.

Por eles dais ao mundo todo bem e toda graça. Por Cristo, com Cristo e em Cristo, a vós, Deus Pai todo poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda honra e toda glória, agora e para sempre.

Todos

Amém.

23. CANTO: Amizade

Amizade sempre existirá,

como a luz do sol, como o amor de mãe. 

Será como o pão de cada dia ontem, hoje e amanhã!

Eu vos digo amai-vos uns aos outros;

sois todos irmãos, sois todos cristãos,

e vivendo nesta união, todos cantarão assim: amizade....

E vivendo agora e sempre na graça de Deus,

unidos aos irmãos,

seremos nós a luz do mundo para o Cristo propagar.

24. PAI NOSSO

Cel.

Nós vos louvamos e bendizemos Deus criador de todas as coisas, que no princípio criastes o homem e a mulher para constituírem uma sociedade de vida e de amor. E também vos agradecemos, Senhor vos dignastes abençoar o casamento dos vossos filhos (N.N.) para ser uma imagem da união de Cristo com a igreja. Olhai, agora, com bondade para eles e, como lhes preservastes a união em meio a alegrias e tristezas, assim renovai neles sempre a aliança nupcial, aumentando a caridade e reforçando os laços da paz, a fim de merecerem receber a vossa benção na companhia dos filhos, nora, genro e netos que os rodeiam. Por Cristo nosso Senhor.

Todos

Amém.

Cel.

A paz do Senhor esteja sempre conosco.

Todos

O amor de Cristo nos uniu!

Cel.

Irmãos e irmãs saudemos uns aos outros em Cristo.

25. CANTO DA PAZ: Paz de Cristo

Paz, paz de Cristo

Paz, paz que vem do amor lhe desejo irmão!

Paz, que é felicidade de ver em você Cristo nosso irmão.

Se algum dia na vida, 

você de mim precisar. 

Saiba que sou teu amigo, 

pode comigo contar.

O mundo dá tantas voltas, 

agente vai se encontrar,

quero que nas voltas da vida 

a tua mão apertar.

26. CORDEIRO DE DEUS

Todos

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós. Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, dai-nos a paz.

Cel.

Felizes os convidados para a ceia do Senhor! Eis o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo!

Todos

Senhor, eu não sou digno de que entreis em minha morada, mas dizei uma só palavra e serei salvo!

27. CANTO DA COMUNHÃO: Oração pela família

Que nenhuma família comece em qualquer de repente.

Que nenhuma família termine por falta de amor.

Que o casal seja um para o outro de corpo e de mente.

E que nada no mundo separe um casal sonhador.

Que nenhuma família se abrigue debaixo da ponte,

que ninguém interfira no lar e na vida dos dois.

Que ninguém os obrigue a viver sem nenhum horizonte.

Que eles vivam do ontem, no hoje e em função de um depois.

Que a família comece e termine sabendo onde vai.

E que o homem carregue nos ombros a graça de um pai.

Que a mulher seja um céu de ternura, aconchego e calor.

E que os filhos conheçam a força que brota do amor.

        Abençoa, Senhor, as famílias, amém.

     Abençoa, senhor, a minha também!

Que marido e mulher tenham força de amar sem medida.

Que ninguém vá dormir sem pedir ou sem dar seu perdão.

Que as crianças aprendam no colo o sentido da vida.

Que a família celebre a partilha do abraço e do pão.

Que marido e mulher não se traiam nem traiam seus filhos.

Que o ciúme não mate a certeza do amor entre os dois.

Que no seu firmamento a estrela que tem maior brilho.

Seja a firme esperança de um céu aqui mesmo e depois.

Cel.

Oremos. O Deus que acolhestes à mesa da vossa família o casal (N.N.) com seus filhos, nora, netos, parentes e amigos, concedei-lhes progredir com firmeza e alegria na mútua comunhão. Isto nós vos pedimos por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho na unidade do Espírito Santo.

Todos

Amém.

28. CANTO DE AÇÃO DE GRAÇA: Obrigado Senhor

Obrigado, Senhor, porque és meu amigo.

Porque sempre comigo tu estás a falar.

No perfume das flores, na harmonia das cores

e no mar que murmura o teu nome a rezar. 

Escondido tu estás no verde das florestas, 

nas aves em festa e no sol a brilhar, 

na sombra que abriga, na brisa amiga, 

na fonte que corre ligeira a cantar chuá, chuá. 

Te agradeço ainda porque na alegria

ou na dor de cada dia posso te encontrar. 

Quando a dor me consome, murmuro o teu nome 

e mesmo sofrendo, eu posso cantar.

RITOS   FINAIS

29. AGRADECIMENTOS

30. BENÇÃO SOBRE O CASAL

Cel.

A vocês (N.N.) a benção do Senhor, que marcou este tempo de seus anos de fidelidade! Esta benção continuará acompanhando e fortificando vocês, sua família e amigos. Desça sobre todos a bênção de Deus, Pai todo-poderoso, de Deus Filho que vos sustenta e vos ama, de Deus Espírito Santo, que vos ilumina e vos santifica.

Todos

Amém.

Cel.

Vamos em paz e que os Senhor vos acompanhe!

Todos

Amém.

31. CANTO FINAL: Te amarei

Me chamaste para caminhar na vida contigo

decidi para sempre seguir-te, não voltar atrás.

Me puseste uma brasa no peito e uma flecha na alma,

é difícil agora viver sem lembrar-me de ti.

Te amarei, Senhor (bis)

eu só encontro a paz e a alegria bem perto de ti (2x)

Eu pensei muitas vezes calar e não dar nem resposta,

eu pensei na fuga esconder-me, ir longe de ti.

Mas tua força venceu e ao final eu fiquei seduzido,

é difícil agora viver sem saudades de ti.

Ó Jesus, não me deixas jamais caminhar solitário,

pois conheces a minha fraqueza e o meu coração.

Vem ensina-me a viver na tua presença, no amor dos irmãos,

na alegria, na paz, na união.